Foto: Will Assunção/JUP

A cobertura da pandemia do novo coronavírus rendeu à Jussi Up um dos recordes histórico de audiência. Em julho, o site da agência de notícias recebeu mais de cem mil acessos. A audiência fica atrás apenas para a cobertura da tragédia de 24 de Novembro, quando a Jussi Up atingiu a sua média de recorde histórica.

Outro número que revela essa marca é o fato de a agência registrar mais de 14 mil novos leitores no último mês. Outras cidades também passaram a se informar pela Jussi Up, como São Paulo, segunda cidade a registrar o maior número de leitores. Os dados da audiência da Jussi Up são registrados pela ferramenta Google Analytics.

Do total de acessos, 82% dos leitores acessam o site da agência por meio de dispositivos móveis, como celular e tabletes. Esse crescimento se deve principalmente à reformulação feita pela Jussi Up em junho deste ano. Com o novo layout assinado por Helder Azevedo, diretor criativo da agência, a mudança ocorreu no ano em que a Jussi Up completou dez anos.


O site passou a ser totalmente responsivo, ou seja, adapta-se automaticamente a diferentes tamanhos e formatos de tela, projetado, dessa forma, para ser mais eficiente em diversos dispositivos. A página passou a ter carregamento mais rápido, com menor consumo de dados em dispositivos móveis.

“Em meio a uma crise de saúde, o jornalismo de qualidade demonstra mais uma vez seu valor para a sociedade, e os números comprovam que as pessoas reconhecem esse valor”, afirma Will Assunção, diretor de conteúdo da Jussi Up.

Além da criação de um grupo de checagem de informações, a Jussi Up criou uma editoria específica para a pandemia na cobertura especial do vírus. Assunção afirmou que o jornalismo produzido pela agência continuará levando aos espectadores notícia, opinião e comentários relevantes.

Desde 2017, quando a agência passou por profundas reformulações estruturais, as reportagens da Jussi Up demonstram o compromisso com a pluralidade de ideias e incluem informações exclusivas que determinaram o rumo do debate público no município.

O interesse pelos sites jornalísticos profissionais cresceu no mundo todo. A empresa americana Chartbeat, especializada em medição de dados de veículos de notícias, definiu o atual momento “de audiência e engajamento sem precedentes”.

ELEIÇÕES MUNICIPAIS
A pandemia de Covid-19 impôs um modelo de jornalismo ainda pouco habitual para a Jussi Up, observa Will Assunção, que afirmou ter adotado o jornalismo ao vivo como uma nova forma de produzir programas que até então eram gravados em um estúdio próprio com cenário e iluminação. “Com a tecnologia disponível hoje, a Jussi Up optou por um modelo de jornalismo mais leve e ágil”, comenta.

A direção da Jussi Up já definiu formas de realizar entrevistas, debates e programas ao vivo dedicados à campanha eleitoral de 2020. Todo o time que integra o quadro de colaboradores está focado em manter a qualidade jornalística, ainda que sob o verniz do que se apresenta como o que há de mais moderno para o público.

“A ideia é oferecer as principais notícias e informações do cenário político que são realmente relevantes para o dia a dia do assinante, entrevistando candidatos com um time próprio da Jussi Up. Desse modo, a cobertura política será ainda mais completa e dinâmica”, pontua Assunção.

publicidade

publicidade