A mãe de Messias Freitas Filho, primeira vítima letal pelo coronavírus no Brasil, recebeu alta após ficar internada na UTI em um hospital de São Paulo. De acordo com uma familiar, a idosa de 82 anos passa bem e recebe cuidados de uma filha, que não foi contaminada.

O pai e o irmão, de 62 anos, do porteiro aposentado continuam recebendo cuidados intensivos em um hospital da capital paulista, segundo informação de uma familiar.

Segundo o advogado, que representa a família do aposentado, o pai, de 83 anos, e a mãe, de 82 anos, foram internados na última quarta-feira (18) em hospital da rede Prevent Senior. O pai, segundo o defensor, apresentou um estado mais grave. Já a mãe foi hospitalizada por prevenção em razão da idade.

publicidade

publicidade