Header Ads

LightBlog

Feira livre é suspensa em Jussiape


Por meio de um decreto, Jussiape declara situação de emergência no âmbito da saúde pública no município e estabelece restrições como medidas temporárias de prevenção ao contágio e enfrentamento da propagação decorrente do novo coronavírus (covid-19).

prefeito de Jussiape Éder Jakes (PSD) considera a classificação da Organização Mundial de Saúde (OMS), referente à situação do coronavírus, como pandemia, levando em conta que embora ainda não haja nenhum caso confirmado em Jussiapehá casos de contaminação em outros município da Bahia.

O gestor leva em conta também a confirmação de transmissão comunitária, o vertiginoso crescimento dos casos suspeitos, bem como a insuficiente cota de testes disponibilizada pelo Laboratório Central de Saúde Pública da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia, fazendo com que seja necessária a tomada de ações para possibilitar o isolamento domiciliar de parte da populaçãoveja as atividades suspensas no município.

Ficam suspensas as feiras livres, no âmbito do município de Jussiape, pelo prazo de 15 dias, a partir do dia 23 de março de 2020, podendo este prazo ser prorrogado por igual período, ou estendido por prazo indeterminado, a fim de evitar-se proliferação do novo coronavírus, tendo em vista a grande circulação e aglomeração de pessoas, sobretudo idosos e demais grupos de risco.