Foto: Will Assunção/JUP

Fiéis lotaram a Igreja Matriz Nossa Senhora da Saúde no último domingo (26) no terceiro dia do Novenário em preparação para a Festa de Nossa Senhora da Saúde, padroeira de Jussiape. A missa foi presidida pelo padre Marcelo de Jesus Pires.



TRADIÇÃO SECULAR
Em 202o, a Festa de Nossa Senhora da Saúde, padroeira de Jussiape, completa 154 anos. A tradicional festa popular religiosa consagra uma tradição secular e conta ainda com a beleza da procissão pelas principais vias da cidade, alvorada, queima de fogos, e ainda deve reunir centenas de visitantes e fiéis durante as celebrações.

Uma das maiores expressões culturais e a mais tradicional manifestação religiosa do município, a Festa de Nossa Senhora da Saúde, que neste ano tem como tema “Diretrizes gerais da ação evangelizadora da Igreja no Brasil”, tem início no século 19, com a chegada da imagem da Padroeira a Jussiape, na Chapada Diamantina.

A imagem de Nossa Senhora da Saúde teria sido trazida de Portugal e levada por escravos à Igreja Matriz Nossa Senhora da Saúde de Jussiape, onde foi oferecida ao altar do templo por José Joaquim da Silva Junior, no dia 2 de fevereiro de 1866.


publicidade

publicidade