Header Ads

LightBlog

Participantes recebem certificados da oficina de maquiagem e cabeleireiro profissional

Foto: Will Assunção/JUP

Participantes das oficinas de maquiagem e de cabeleireiro profissional receberam certificados nos dias 16 e 23 de outubro, respectivamente em Caraguataí e Jussiape, em um evento que reuniu as turmas de 2019.

No evento para a entrega do certificado na última quarta-feira (23), o prefeito Éder, acompanhado da primeira-dama Hilda Rejane, destacou a importância de projetos sociais como esse e ressaltou o protagonismo das mulheres, pedindo uma salva de palmas em uma homenagem a elas logo após se pronunciar.



Estiveram presentes também a secretária de Assistência Social Eulina Caires, a coordenadora e a psicóloga do Centro de Referência de Assistência Social (Cras) Helen Silvina Lelis e Jucélia Caires, acompanhadas da equipe do Centro, e a coordenadora do programa Bolsa Família em Jussiape Juliete Lima.

As oficinas foram iniciadas no dia 2 de abril deste ano e finalizadas no dia 24 de setembro. As inscritas contaram com encontros semanais de duas horas cada um.

As oficinas profissionalizantes formam um projeto do programa Bolsa Família, do Cadastro Único, e foram realizadas pelo Centro de Referência de Assistência Social.

O projeto leva a assinatura das técnicas de referências do Cras de Jussiape Maria de Fátima Azevedo e Jucélia Caires.

Nas oficinas dirigidas pela visagista e cabeleireira Michele Araújo, profissional atuante no mercado de beleza há mais de dez anos, foi possível prender a maquiar do nível zero ao intermediário, em um processo prático e didático. A cabeleireira, que já atuou como instrutora do Instituto Embelleze, levou técnicas para aperfeiçoar e habilitar as participantes a cuidar do embelezamento dos cabelos.

Foram formadas três turmas para a oficina de maquiagem, duas em Jussiape e outra em Caraguataí. Já a oficina de cabeleireiro ganhou uma turma no distrito. Ao total, foram 12 concluintes da oficina de maquiagem e 25 da de e cabeleireiro em Caraguataí. Em Jussiape, as duas turmas formadas somaram 36 inscritas, divididas em 18 cada uma.