Header Ads

LightBlog

Mendes diz que vereadores não tiveram ‘coração de ser humano’

Foto: Will Assunção/JUP

O presidente da Câmara Jadiel Mendes (PSD) disse que os vereadores Edilando Brandão (MDB) e José Roberto (MDB) não tiveram “coração de ser humano, porque a situação do vereador Fredson não é boa”. Em agosto deste ano, Fredson Muniz (PSDB) anunciou que foi diagnosticado com trombose profunda venosa. Desde então, o vereador tem se ausentado em algumas sessões.

O pronunciamento do presidente ocorreu após questionamentos dos vereadores Edilando Brandão e José Roberto sobre ausências de parlamentares nas sessões. Ao votar em uma indicação feita por Fredson Muniz, Edilando Brandão questionou a ausência do parlamentar em sessões anteriores.


José Roberto disse que o fato de Muniz se ausentar “parece programado”. O emedebista alegou que a ausência ocorre “dia, sim, dia não” nas sessões parlamentares. Para o parlamentar, o comportamento do vereador “não fica bem para a Casa”.

“A gente tem que ter respeito. A gente é empregado do povo e tem que participar das reuniões”, completou. O vereador também levantou um questionamento acerca de o fato de Fredson Muniz ter dito que foi diagnosticado com trombose profunda venosa. “Será que (ele) está doente mesmo? Eu vi uma foto (dele) no Bicho subindo morro”, alegou ao explicar que o povoado fica localizado em uma região montanhosa.

“Um vereador já não trabalha, entendeu? Trabalha uma vez por semana. Ganha muito bem para vir uma vez por semana aqui para ficar uma hora, duas horas. O que a gente trabalha aqui não dá cinco horas em um mês, e ganha-se muito bem para isso. E outra, fica falhando ou não vindo à sessão; eu acho uma falta de respeito”, reiterou.