Header Ads

LightBlog

Brandão diz que horta cultivada em sua casa e regada com água da Embasa morreu

Foto: Will Assunção/JUP

O vereador Edilando Brandão (MDB) tem feito críticas à Empresa Baiana de Águas e Saneamento S.A (Embasa) durantes seus discursos nas sessões plenárias desde que assumiu o mandato de vereador.

Na última sexta-feira (9), o emedebista afirmou que a horta que cultivava em sua casa morreu após ser regada com a água fornecida pela concessionária. “Se uma planta não está sobrevivendo (à água fornecida pela Embasa) imagina o organismo da gente”, disse.

Em junho deste ano, Brandão pediu ajuda aos vereadores após dizer que o contrato entre o município e a Embasa está previsto para terminar em novembro de 2019.

Ainda neste ano, o município deverá decidir se renovará o contrato com a concessionária ou se optará por outro modelo de gestão da água. O emedebista já havia sugerido uma diminuição do tempo de concessão dos serviços à Embasa, caso seja renovado o contrato. O vereador acredita que assim haveria mais garantias por parte da concessionária de prestar melhores serviços à população. Brandão também já havia afirmado que a Embasa tem cobrado uma “taxa caríssima” no município.