Header Ads

LightBlog

Pois pode ser considerada uma conjunção adversativa?


A gramáticas normativas não considera pois uma conjunção adversativa, no entanto, ela pode ser apresentada como uma conjunção de valor semântico adversativo. Ou seja, se consultarmos alguns dicionários (Houaiss, Michaelis, Priberam, Porto, Aulete etc.), esse conectivo é também tido como sinônimo de mas, porém, no entanto etc.

Vamos ao exemplo:

Estás tranquilo? Pois eu estou na maior ansiedade. O exemplo consta do Dicionário Houaiss, Ed.Temas e Debates.

Podemos acrescentar um exemplo retirado do CETEMPúblico:

Há gente neste partido que não trabalhou, pois eu trabalhei.

E outro do Corpus do Português:
Não é muito conhecido, tem um estilo de música independente e meio alternativo. Pois eu gosto muito!

Pois, com sentido adversativo, inicia uma unidade frásica autónoma. O estado de coisas que essa unidade representa está em contraste com o estado de coisas descrito na sequência frásica anterior, não raro através de uma forma de discurso reportado (discurso atribuído a outrem). Trata-se de um uso do registo informal, segundo escreveu Ana Martins para o Instituo Universitário de Lisboa.