Header Ads

LightBlog

Eu busco poesia

Mungo Moss


Certa vez, me procuraram o que eu busco em alguém
E eu disse poesia
Mas poesia livre, e sem acanhamento
Eu busco em alguém a poesia de acordar comigo em dias sem promessas
E levantar suado ainda com sabor de poesia
Não busco poder, dinheiro ou garantia de qualquer futuro
Eu busco a simples beleza de ser, que para mim é poesia
Foi olhando uma foto de outro rosto
Que eu descobri que na verdade eu gosto é de poesia
Molhada, batida e desbotada
É essa a poesia que me encanta
Contorna as tuas pernas brancas e o teu sorriso torto
Derrama em mim, ainda quente e imperfeita
Não posso estar mais certo, eu gosto mesmo é de poesia
E se alguém curioso perguntar por mim
Direis que eu não sou nada mais que poesia