Header Ads

LightBlog

‘Agrotóxico está tomando conta da nossa cidade’, diz Edilando

O vereador Edilando Brandão (MDB) Foto: Will Assunção/JUP

O vereador Edilando Brandão (MDB) levantou um questionamento, na última sexta-feira (3), sobre o controle do uso de agrotóxico em Jussiape. “Agrotóxico está tomando conta da nossa cidade”, disse.

O discurso do emedebista, na volta aos trabalhos da Câmara, foi permeado de críticas ao governo Eder. Em uma delas, Brandão afirmou que o prefeito utilizou o altar da Igreja Matriz Nossa Senhora da Saúde, durante missa que celebrou o aniversário de emancipação política de Jussiape, como palanque eleitoral.

O emedebista questionou o uso do dinheiro público com as festividades juninas no município, o que classificou como “gastos astronômicos”. O vereador alegou que “dinheiro público é para ser gasto com o povo com competência”.

Ainda durante discurso, Brandão expôs um episódio em que ele teria sido impedido de exercer a função de fiscal do município pela primeira-dama Hilda Rejane, ao visitar o almoxarifado da Prefeitura. De acordo com o vereador, ele teria filmado o momento da sua ida ao local para levar um ofício em que solicitava notas fiscais das aquisições do município. “O papel do vereador é fiscalizar, não ir atrás do prefeito”, completou.

Em resposta à fala de Edilando, Eder respondeu que “só se joga pedra em árvores que dá fruto; em árvore que não dá fruto, ninguém joga nada”. Ao defender a primeira-dama, o prefeito disse que desconhece alguém que se dedica tanto a Jussiape. “Talvez, até mais do que eu”, concluiu.