Header Ads

LightBlog

Novo documento de identidade digital substituirá RG e CPF em 2018

O novo Documento Nacional de Identificação (DNI), que pretende substituir vários documentos de identificação pessoal ainda em 2018, ao reunir informações online de cada brasileiro, já está em fase de testes e será disponibilizado no país neste semestre. O documento digital será emitido pelos Correios e reunirá dados da identidade (RG), do CPF, do título de eleitor e da Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

A fase-piloto da emissão do DNI ocorrerá apenas na agência central dos Correios em Brasília (DF) e será destinada somente aos empregados da empresa. O início dos testes, que terão duração de 30 dias, está previsto para a próxima semana.

Após essa fase, será estabelecido um cronograma de implantação do serviço. Segundo os Correios, não haverá recebimento de documentos físicos nas agências de atendimento. Para ter acesso ao DNI, o cidadão precisará ter o registro biométrico no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ou seja, deverá ter a digital cadastrada no título de eleitor, e o aplicativo instalado no smartphone para realização de um pré-cadastro.

O atendimento nas agências dos Correios será para a validação dos dados já registrados no TSE. Após essa fase, o documento ficará disponível no ato do atendimento, mediante uma chave de acesso utilizada no aplicativo.