Header Ads

LightBlog

Câmara veta requerimentos de José Roberto e vereadores sugerem criar comissão para verificar contas da Educação

O vereador José Roberto (MDB) Foto: Will Assunção/JUP

A Câmara vetou, por 6 votos a 2, os três requerimentos enviados à presidência da Casa em que o vereador José Roberto (MDB) solicita aos diretores de escolas e creches municipais cópias detalhadas das prestações de contas do ano de 2017 do Programa Dinheiro Direto da Escola (PDDE) e das chamadas Ações Agregadas ao PDDE: Novo Mais Educação e Estrutura.

No entanto, o emedebista, que ocupa o cargo de presidente da Comissão de Educação e Saúde, afirmou que há ainda duas diferentes formas de conseguir as informações solicitadas, já que a terceira – via Câmara – foi derrubada em plenária. Uma delas é por meio da Lei da Informação; enquanto a segunda consiste em utilizar a prerrogativa de ser vereador, sintetizou José Roberto durante discurso em sessão plenária.

O vereador Edilando Bandão (MDB), único vereador que votou a favor dos requerimentos, com exceção do próprio José Roberto – autor do pedido –, afirmou que o colega de bancada da oposição “só está pedindo o papel”.

A maior parte dos vereadores que votou contrário aos requerimentos afirmou que é favorável a Câmara formar uma comissão para verificar as contas da Educação, o que foi explicitado na fala da vereadora Vanusa Medrado (PRP) ao dizer que a medida evitaria constrangimentos entre os diretores das instituições do ensino.