Header Ads

LightBlog

Filtro Transcendente


“Em algum lugar do Paraíso... 2012”, eu lia concentrado, sibilando. Relia. Relia pensando (e tentando), mesmo estando um tanto bêbado para tal; decifrar o que autor dessa frase queria dizer [...]. Estava escrito em vários banheiros masculinos em bares distintos de Vitória da Conquista, cidade ao sudoeste da Bahia. E sempre por volta das 11h30, depois de alguns copos a mais, eu a encontrava quando eu ia destilar um pouco do álcool preso na minha bexiga.