Header Ads

LightBlog

ANÁLISE MORFOLÓGICA (27): pronomes relativos


Pronomes relativos são os que se relacionam com um termo anterior. Por isso, ao mesmo tempo em que desempenham o papel de pronomes, também exercem a função de conectivos.

São eles: que, quem, quando, como, onde e suas variáveis.

Exemplo:
Essa é a lista dos documentos. Os documentos foram destruídos.
Essa é a lista dos documentos que foram destruídos.

Nesse exemplo, o pronome que é relativo aos documentos, o que quer dizer que a oração que foram destruídos é uma oração subordinada (deixa exposta uma relação de dependência).

Pronomes relativos

Invariáveis
Que, quem, quando, como, onde.

Variáveis
O qual, os quais, a qual, as quais, cujo, cujos, cuja, cujas, quanto, quantos, quantas.

Dentre os pronomes relativos, o pronome que é, sem dúvida, o mais utilizado. É por esse motivo que ele é conhecido como pronome relativo universal.

Exemplos
1. que, o qual, os quais, a qual, as quais:
E você era a princesa que eu fiz coroar. (Chico Buarque)
Os temas sobre os quais falamos são bastante complexos.
A Carta de Caminha, a qual inaugura a literatura no Brasil, foi redigida no dia 1º de maio de 1500.

2. quem, cujo, cujos, cuja, cujas
Ela era minha professora, a quem admirei ao longo do meu percurso.
O funcionário, cujo currículo desconheço, foi promovido.
Os trabalhos, cujas interpretações não tenham sido feitas, serão prejudicados.

3. quando, quanto, quantos, quantas
É a hora quando eu consigo parar para pensar.
Comeu tudo quanto tinha vontade.
Farei tantas exigências quantas forem necessárias.

4. como
Não gosto da forma como ele ensina.

5. onde
O lugar é ali onde eu informei.