Header Ads

LightBlog

ANÁLISE MORFOLÓGICA (20): pronomes demonstrativos


Os pronomes demonstrativos indicam a posição (espacial, temporal e no próprio discurso) em relação às pessoas do discurso.

Eles podem ser variáveis ou invariáveis.

São os seguintes:
Espaço | Tempo | Variáveis | Invariáveis
Próximo – Presente - este(s), esta(s) – isto
Pouco distante - Passado e Futuro próximo - esse(s), essa(s) – isso
Distante - Passado remoto - aquele(s), aquela(s) – aquilo

Frequentemente os pronomes demonstrativos se combinam com preposições:

deste(a), disto (de + este(a), isto)
desse(a), disso (de + esse(a), isso)
daquele(a), daquilo (de + aquele(a), aquilo)

Importante notar que os pronomes demonstrativos são utilizados dependendo da posição da pessoa em relação à algum elemento seja no discurso, no tempo ou no espaço. Para compreender melhor, veja o quadro abaixo:

Primeira Pessoa
Uso: este, esta, estes, estas, isto.  
Quando o elemento está com a pessoa que fala.     
Exemplo: Isto não é meu.

Segunda Pessoa
Uso: esse, essa, esses, essas, isso  
Quando o elemento está com quem se fala    
Exemplo: Isso não se faz.

Terceira Pessoa 
Uso: aquele, aquela, aqueles, aquelas, aquilo.
Quando o elemento não está com a pessoa que fala e nem com a pessoa com quem se fala.
Exemplo: Aquilo é muito bonito.

IMPORTANTE
Repare na proximidade dos elementos na construção da frase e não tenha dúvidas na hora de escrever:

Os mapas e os relatórios estavam ótimos: estes coesos e coerentes, aqueles bem ilustrados.

Este se refere aos relatórios, enquanto aqueles se refere aos mapas (repare na proximidade dos elementos na construção da frase).

Pronomes Demonstrativos Adjetivos e Substantivos
Por vezes, as formas variáveis podem assumir valor de adjetivo ou de substantivo.

Exemplo:
Estas coisas são minhas. (adjetivo);
Minhas coisas são estas. (substantivo).

As formas invariáveis nunca assumem valor de adjetivo, apenas de substantivo.

Valor de Demonstrativos
Ocasionalmente, outras palavras podem assumir o valor de pronome demonstrativo. Isso acontece quando elas podem ser substituídas por esses pronomes. É o que ocorre com:

O(s) e a(s)

Exemplos:
É o que precisas? 
(É isto que precisas.);

Fiz somente o que me dava vontade. 
(Fiz somente aquilo que me dava vontade.).

Semelhante(s) e Tal(is)

Exemplos:
Tais atitudes eram impensáveis no meu tempo. 
(Essas atitudes eram impensáveis no meu tempo.);

Era incapaz de fazer semelhante gesto. 
(Era incapaz de fazer aquele gesto.).

Mesmo(s) e Próprio(s)
Estas palavras são demonstrativos de reforço na medida em que têm o mesmo sentido de idêntico e pessoa.

Exemplos:
Você faz sempre a mesma coisa.
Ele próprio conferiu os documentos.