Header Ads

LightBlog

ANÁLISE MORFOLÓGICA (11): grau dos adjetivos


Os graus dos adjetivos são comparativo e superlativo. Eles são utilizados para fazer comparações ou elevar as características atribuídas aos substantivos.

Exemplos:
Este filme é melhor do que o que assistimos na semana passada.
(grau comparativo)
Este filme é muito bom.
(grau superlativo)

Grau comparativo
Conforme o tipo de comparação dos adjetivos, há três tipos de grau comparativo:

Comparativo de igualdade: A receita dela é tão saborosa quanto a sua.
Comparativo de superioridade: A receita dela é mais saborosa (do) que a sua.
Comparativo de inferioridade: A receita dela é menos saborosa (do) que a sua.

Grau superlativo
O grau superlativo pode ser de dois tipos:
Superlativo relativo: quando o engrandecimento se refere a um conjunto: Dentre os livros de sua autoria, aquele é o mais complexo.
Superlativo absoluto: quando se refere a apenas um substantivo: Aquele livro é muito complexo.

Os graus superlativo relativo e superlativo absoluto dividem-se, ainda, em:
1.1 Superlativo relativo de superioridade: É o mais responsável dos filhos.
1.2 Superlativo relativo de inferioridade: É o menos responsável dos filhos.
2.1 Superlativo absoluto analítico: Ele é muito responsável.
2.2 Superlativo absoluto sintético: Ele é responsabilíssimo.

Enquanto o grau superlativo absoluto analítico conta com a presença de um advérbio (muito, pouco, bastante), o superlativo absoluto sintético é formado com sufixos (íssimo, por exemplo).