Header Ads

LightBlog

Existe diferença semântica entre acordão e o acórdão?


Afinal, qual a diferença entre acórdão e acordão? Comecemos pelo acordão, que, embora não pareça, nada mais é do que o aumentativo de acordo. A palavra acórdão também existe, e possui outro significado semântico. No entanto trata-se de termo da linguagem jurídica, que, de acordo com o Aurélio, significa decisão proferida em grau de recurso por tribunal coletivo.

A origem de acórdão veio da substantivação de acordam, flexão da terceira pessoa do plural do presente do indicativo do verbo acordar (que, no caso, não tem o sentido de espertar ou despertar, mas o de concordar), explica Cipro Neto.

A esta altura, convém lembrar que se acentua acórdão pela mesma razão pela qual se acentuam palavras como órgão, sótão, órfão, bênção etc. Trata-se de paroxítonas terminadas no ditongo ão. Convém lembrar também que o plural desses vocábulos é feito com o simples acréscimo de s: órgãos, sótãos, órfãos, bênçãos. O plural de acórdão, portanto, só pode ser acórdãos.